Inicial > ACREDITE SE QUISER > Os 7 Museus Mais Horripilantes da Terra!

Os 7 Museus Mais Horripilantes da Terra!



Se lembra de ficar entediado quando tinha passeios escolares para museus de história? Bem, poderia ter sido pior. Muito pior.
Porque , aparentemente, museus lá fora, capazes de infligir o tipo de trauma de que uma pessoa nunca se recupera.
  
7. EL MUSEO DE LAS MOMIAS
Este é o tipo de museu que faz as pessoas se perguntarem se isso realmente existe…

Apenas dizer que este é um museu de múmias, nunca chegará nem um pouco perto de transmitir o horror indescritítivel que é este lugar. Na Roma Antiga e em fraternidades e universidades havia uma tradição brutal e humilhante conhecida como “running the gauntlet” durante o qual você se despe e corre por um vale de horrores. O El Museo é praticamente isso, você anda por um vale de horrores, mas são os espectadores que estão nus. E mortos.

Você pensa que algum deles pode levantar a mão e te agarrar a qualquer momento da travessia.

As Múmias de Guanajuato são corpos naturalmente preservados de um surto de cólera que atingiu esta cidade no distante ano de 1833. Desde que esse túmulo foi aberto e pegou fama, sua legalidade e status moral tem sido debatidos por todas as partes, exceto no México.


A maioria das múmias em exposição eram de cadáveres cujas famílias não podiam pagar as taxas de um imposto, que era cobrado na época, sobre os túmulos. Se sua família não tivesse dinheiro na época, olhe para onde foi parar o seu corpo…
Você foi posto em exposição…

E eu já falei dos bebês?

Venha brincar comigo…

para sempre…


6. CATACOMBE DEI CAPPUCCINNI


Bem-Vindos à Catacombe dei Cappuccinni: As Catacumbas dos Capuchinhos, de Palermo, Sicília; descrita como: “A Biblioteca Humana.” As Catacumbas servem como um registro histórico de valor inestimável sobre tudo, desde tendencias de vestuário ao medo intolerante.


Em 1599, os monges que lá viviam descobriram um excelente método para embalsamar os mortos. E como garantia, embalsamavam uns aos outros. Em seguida, moradores ricos desejaram ter seus corpos embalsamados nas Catacumbas dos Capuchinhos, por questões de status. Apesar de ser tão antiga quanto Galileu e ter sido bombardeada na Segunda Guerra Mundial, alguns habitantes das Catacumbas ainda conservam uma aparência muito “viva”…


…E todos eles vestidos com as melhores roupas, aguardando ansiosamente a ressureição..





5. THE GLORE PSYCHIATRIC MUSEUM


O Museu Psiquiátrico Glore, formalmente conhecido como Manicômio do Estado do Missouri nº2.

Esquizofrenia…


O Museu leva o nome de George Glore, que nos anos 60 usou seus pacientes (presos) no Hospital Estadual St. Joseph para fazer réplicas das práticas mais horríveis de psiquiatria dos últimos séculos.



O resultado é uma estranha e terrível excursão nas mentes de uma centena de loucos, mostrando a arte dos pacientes, que vai da sofisticada…


...à infantil


Mas, o “destaque” deste museu, tem que ser este magnífico mosaico, que foi inteiramente construído a partir do estômago de uma mulher que sofria compulsão por engolir:


Esses objetos foram retirados do estômago de uma mulher.
Pela beleza do Estado, é realmente difícil de imaginar alguém enlouquecendo no Missouri, mas agora nós vimos como é esse hospital dá pra acreditar.

A mulher que engoliu 1146 objetos morreu em cirurgia… Então quem será que fez o mosaico?


4. THE MUSEUM OF MENSTRUATION AND WOMEN‘S HEALTH


O que há de errado em ter um museu dedicado a este assunto?


Deve ser por este museu se localizar no porão de um cara qualquer em Maryland… Este cara:

Harry Finley
Desde 1995, este humilde americano tem dedicado sua vida a levar sua coleção privada de produtos de higiene feminina e manequins mutilados a disposição do público. Sua obra recebeu elogios daUniversidade John Hopkins e do Jornal The New York Times (segundo seu site pessoal). E a reputação de Harry floresceu de simples personagem da vizinhança local para personagem de um romance deThomas Harry.

Pela coleção do Museu encontra-se um vestido feito de absorventes


Arquivos bem conservados…


e… bem, isso…


E saiba que há a segurança de saber que no museu estarão apenas você e Harry. Todas as visitas são agendadas e particulares.




3. THE VENT HAVEN VENTRILOQUIST MUSEUM







Muita gente tem medo de bonecos de ventríloquo. Como palhaços, nem sempre eles são o objeto perfeito para o entretenimento infantil. A maioria das pessoas não gostariam de estar sozinhas num quarto com um deles. Vá para o Vent Museum, em Kentucky, e você ficará em meio a 750 deles.



A coleção se iniciou com com um cara chamado Willian Shakespeare (sério…) Berger, um ventríloquo amador e magnata rico, que com sua fortuna adquiriu mais de 500 desses mosntrinhos antes de morrer. Se ele controla os bonecos, é um assunto a se debater.



Uma das aquisições mais importantes do museu é a coleção do famoso ventríloquo Willian Wood, que já foi anunciado como “O Maior Ventríloquo do Mundo” que morreu num acidente de barco no Golfo do México (Sim, acidente.) Quatro, de seus seis bonecos estão em exposição no museu, enquanto dois estão no fundo do mar (se perderam ao puxar Wood para o fundo do oceano, cada um puxando uma perna?)

O Vent Haven Museum é a maior coleção de bonecos de Ventríloquos do mundo!




2. O MUSEU FALOLÓGICO ISLANDÊS



É… Pênis!

Bem senhores, aposto que muitos de vocês tem um tremendo orgulho de seu amigão a ponto de achar que ele merece lugar num museu…
Pois no norte gelado, especialmente na Islândia existe o único museu do mundo dedicado a ele: o pênis!


E a ideia foi do Professor de História Antiga e auto-intitulado “falologista” Sigurdur Hjartarson


O Museu Falológico Islandês inclui pênis de mais de 100 mamíferos. Além dessas exposições, seu curador tem também outras aquisições inusitadas. Como por exemplo, essas lâmpadas feitas de testículos:


A extensa coleção de arte do museu inclui pinturas penianas, lâmpadas, celulares e muitas outras bugingangas adequadas para qualquer tipo de… festas? Dispõe também de modelos de pênis de vários personagens míticos, como elfos, trolls e monstros. Por exemplo, você já se perguntou como seria o pinto do Elmo? Bem…

No entanto, qualquer macho com um “mastro” supostamente fictício que entre no Museu Falológico deve ser avisado que seu sádico curador se esforçou para conseguir cada uma parte de sua vasta coleção. Por exemplo, se alguma baleia tem a infelicidade de encalhar em alguma parte dos 3mil quilômetros de litoral islandês, pode apostar que Hjartarson estará lá para obter você sabe o quê!



1. O MUSEU MUTTER


O Museu da Faculdade de Médicos da Filadélfia o mais perturbante episódio de Acredite se Quiser da história!


Iniciado em 1858 graças a uma doação do Dr. Dent Mutter, a coleção do museu de esquisitices médicas começou como uma versão inicial de sites de bizarrices (como o rotten.com.) Se você queria ver a maior espinha do mundo ou ser testemunha da maior quantidade de fezes feitas num dia (para fins medicinais, claro.) Tudo o que precisava era perguntar ao Dr. Mutter e depois sofrer as consequências.


O Museu Mutter é a atual casa da coleção de caveiras de Hyrtl: uma parede de caveiras, com as descrições das mortes de seus donos, muitas vezes perturbadoras outras, hilariantes.

Alguns até parecem idiotas, de tão tolas foram as formas das mortes

Este lugar também dispõe de uma mulher que os Filadéfos carinhosamente a chamam de: A Dama de Sabão…


…Um cólon humano de nove metros de comprimento que continha mais de 40 quilos de fezes… o_O



…Alguns bebês de dentro para fora…


…Um unicórnio…


…Esta coisa…


…E, finalmente, várias imagens assustadoras de horríveis doenças desfigurantes… 



…E outras deformações…




Este post é uma tradução do original encontrado NESTE SITE. Se for reproduzir, preserve a fonte!

Abraços!

Deixe seu comentário!

Categorias:ACREDITE SE QUISER
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: